Projetos Chauá à Procura de Financiamento

Projeto Floresta Rara

Detalhamento do projeto disponível na plataforma VBIO

Espécies foco: Ocotea odorifera (canela-sassáfras), Cedrela fissilis (cedro), Inga lentiscifolia (ingá), Ocotea porosa (imbuía), Colletia paradoxa (cruzeiro), Quillaja brasiliensis (saboneteira), Curitiba prismatica (caviúna) entre outras.

Resumo:

Diversos programas e projetos foram desenvolvidos para conservar e restaurar esta região, mas o plantio de restauração florestal raramente inclui espécies ameaçadas de extinção e ampla diversidade, devido à dificuldade de obter sementes e mudas. Em viveiros da região da Floresta com Araucária, considerando Paraná e Santa Catarina, apenas 16% das espécies nativas são raras ou ameaçadas, e nos plantios de restauração, em geral, encontram-se apenas três espécies ameaçadas (Shaw, 2019).

 

Para lidar com essa problemática, a Sociedade Chauá produz mudas de espécies nativas da região da Floresta com Araucária, com mais de 200 variedades de espécies, sendo 46 delas raras ou ameaçadas, buscando aumentar a variabilidade genética e disseminar informações de pesquisas já realizadas sobre a produção dessas espécies.

 

O presente projeto irá potencializar as ações da instituição, destinando mudas para projetos de proprietários rurais que envolvam recuperação ou enriquecimento de remanescentes florestais em diversas áreas da região da Floresta com Araucária.